Quarta-feira, 9 de Dezembro, 2015

Thor Hushovd bisa em Gap na 16ª Etapa


O ciclista norueguês Thor Hushovd, da Garmin-Cervelo, conseguiu fazer a dobradinha ao vencer hoje a décima sexta etapa da Volta a França, a mesma etapa que há um ano atrás o português Sérgio Paulinho venceu. Hushovd, Ryder Hesjedal, colega de equipa do vencedor, e Edvald Boasson Hagen, da Sky, discutiram entre si o sprint, onde o campeão do mundo conseguiu ser o mais forte, aproveitado a ajuda de Hesjedal. Boasson Hagen terminou em segundo, seguido do ciclista canadiano Ryder Hesjedal.

Nesta etapa, contráriamente às outras, foram precisos mais de 100 quilómetros para conseguir encontrar-se a fuga do dia. A 60 quilómetros da meta,  dez ciclistas conseguiram finalmente isolar-se na frente. Era uma fuga de luxo, com Thor Hushovd, Tony Martin, Ryder Hesjedal, Boassan Hagen, entre outros. A fuga conseguiu ainda chegar aos seis muitos, quando faltavam 45 quilómetros para o final.

A 15 quilómetros da meta, Alberto Contador, da Saxo Bank, atacou no inicio da última subida da etapa. Obrigou logo aos favoritos, incluindo Thomas Voeckler, a responder. Descontente com o resultado deste ataque, alguns quilómetros depois o espanhol volta a atacar. Neste ataque apenas Samuel Sanchez e Cadel Evans conseguiram responder. Na frente seguia o trio que ainda sobrevivia da fuga do dia – Thor Hushovd, Ryder Hesjedal e Edvald Boasson Hagen – com cerca de cinco minutos de vantagem.

Durante a descida, Cadel Evans conseguiu afastar-se dos dois espanhois chegando mesmo a ter trinta segundos de vantagem para estes. Todavia ao cruzar a meta apenas conseguiu mais três segundos que os dois espanhois, terminando a 4m23 do campeão do mundo.

Depois de um trabalho muito forte do grupo onde o camisola amarela, Thomas Voeckler, estava inserido, conseguiram reduzir a desvantagem que tinham para o grupo de Contador para apenas 18 segundos, sendo suficiente para o francês manter a camisola amarela.

Por sua vez, Andy Schleck esteve bem pior, acabando por perder bastante tempo para Contador, tendo agora poucos segundos de vantagem para o espanhol na Classificação Geral.

Classificações

16ª Etapa – Saint-Paul-Trois-Châteaux – Gap (163km)
1 Thor Hushovd (Nor) Team Garmin-Cervelo 3:31:38
2 Edvald Boasson Hagen (Nor) Sky Procycling
3 Ryder Hesjedal (Can) Team Garmin-Cervelo 0:00:02
4 Tony Martin (Ger) HTC-Highroad 0:00:38
5 Mikhail Ignatyev (Rus) Katusha Team 0:00:52
6 Alan Perez Lezaun (Spa) Euskaltel-Euskadi 0:01:25
7 Jérémy Roy (Fra) FDJ
8 Marco Marcato (Ita) Vacansoleil-DCM Pro Cycling Team 0:01:55
9 Dries Devenyns (Bel) Quickstep Cycling Team
10 Andriy Grivko (Ukr) Pro Team Astana 0:01:58
11 Cadel Evans (Aus) BMC Racing Team 0:04:23
12 Alberto Contador Velasco (Spa) Saxo Bank Sungard 0:04:26
13 Samuel Sanchez Gonzalez (Spa) Euskaltel-Euskadi
14 Jose Joaquin Rojas Gil (Spa) Movistar Team 0:04:44
15 Philippe Gilbert (Bel) Omega Pharma-Lotto

44 Sergio Miguel Moreira Paulinho (Por) Team RadioShack 0:06:54
157 Rui Alberto Faria Da Costa (Por) Movistar Team 0:15:25

Geral Individual
1 Thomas Voeckler (Fra) Team Europcar 69:00:56
2 Cadel Evans (Aus) BMC Racing Team 0:01:45
3 Fränk Schleck (Lux) Leopard Trek 0:01:49
4 Andy Schleck (Lux) Leopard Trek 0:03:03
5 Samuel Sanchez Gonzalez (Spa) Euskaltel-Euskadi 0:03:26
6 Alberto Contador Velasco (Spa) Saxo Bank Sungard 0:03:42
7 Ivan Basso (Ita) Liquigas-Cannondale 0:03:49
8 Damiano Cunego (Ita) Lampre – ISD 0:04:01
9 Thomas Danielson (USA) Team Garmin-Cervelo 0:06:04
10 Rigoberto Uran Uran (Col) Sky Procycling 0:07:55

78 Sergio Miguel Moreira Paulinho (Por) Team RadioShack 1:21:48
87 Rui Alberto Faria Da Costa (Por) Movistar Team 1:27:42

Leave a Reply