Segunda-feira, 7 de Dezembro, 2015

Boasson Hagen bisa e comprova o domínio Norueguês


Edvald Boasson Hagen, ciclista norueguês da Team Sky, venceu hoje a décima sétima etapa da Volta a França, sendo a segunda vitória que conquista este ano. Com esta vitória sobe para quatro o total de vitórias de ciclistas noruegueses, que são apenas dois. Bauke Mollema (Rabobank) conseguiu terminar na segunda posição, cruzando a meta apenas quarenta segundos depois do vencedor, batendo Sandy Casar (FDJ), que terminou no terceiro lugar, num restrito sprint. Na geral individual, o líder Thomas Voeckler (Europcar) acabou por perder 27 segundos para Evans depois um despiste durante a descida para a meta.

Estes homens faziam parte grupo de 14 homens conseguiu isolar-se na frente depois de 60 quilómetros de tentativas frustradas de ataques. Na última subida da prova, o grupo acabou por fragmentar-se, no momento em que Boasson Hagen atacou, isolando-se na frente para não mais ser alcançado. Depois do dia de ontem, onde o norueguês perdeu a etapa para o seu compatriota, Thor Hushovd (Garmin-Cervelo), hoje pôde compensar a desilusão ao conquistar a sua segunda vitória nesta edição da Volta a França.

No grupo do camisola amarela, onde todos os favoritos se encontravam, Alberto Contador, da Saxo Bank, foi um dos que atacou na subida na tentativa de ganhar tempo. Não serviu de muito ao espanhol que viu as suas tentativas sempre absorvidas. Todavia não desistiu e aproveitou a descida para atacar, arriscando em cada curva, levando sempre Samuel Sanchez (Euskaltel-Euskadi) na sua roda. Voeckler também tentou fazer uma descida rápida para não perder segundos, mas acabou por arriscar demasiado, despistando-se por duas vezes.

Contador e Sanchez iam cada vez mais ganhando mais segundos aos irmãos Schleck, da Leopard, e a Cadel Evans, da BMC, mas no final a distancia foi reduzida, com o par a ganhar apenas um segundo aos seus adverários. Quem perdeu mais tempo acabou mesmo por ser Voeckler, que graças ao seu azar na descida perdeu 27 segundos para Evans, estando agora a apenas 1m18 do australiano.

Classificações

17ª Etapa – Gap – Pinerolo (179km)
1 Edvald Boasson Hagen (Nor) Sky Procycling 4:18:00
2 Bauke Mollema (Ned) Rabobank Cycling Team 0:00:40
3 Sandy Casar (Fra) FDJ 0:00:50
4 Julien El Fares (Fra) Cofidis, Le Credit En Ligne
5 Sylvain Chavanel (Fra) Quickstep Cycling Team
6 Dmitriy Fofonov (Kaz) Pro Team Astana 0:01:10
7 Maciej Paterski (Pol) Liquigas-Cannondale
8 Dmitriy Muravyev (Kaz) Team RadioShack
9 Jonathan Hivert (Fra) Saur – Sojasun 0:01:15
10 Borut Bozic (Slo) Vacansoleil-DCM Pro Cycling Team 0:02:20
11 Andrey Amador Bakkazakova (CRc) Movistar Team
12 Ruben Perez Moreno (Spa) Euskaltel-Euskadi 0:02:37
13 Björn Leukemans (Bel) Vacansoleil-DCM Pro Cycling Team 0:03:35
14 Nicolas Roche (Irl) AG2R La Mondiale 0:04:00
15 Maarten Tjallingii (Ned) Rabobank Cycling Team

128 Sergio Miguel Moreira Paulinho (Por) Team RadioShack 0:14:15
169 Rui Alberto Faria Da Costa (Por) Movistar Team 0:20:38

Geral Individual
1 Thomas Voeckler (Fra) Team Europcar 73:23:49
2 Cadel Evans (Aus) BMC Racing Team 0:01:18
3 Fränk Schleck (Lux) Leopard Trek 0:01:22
4 Andy Schleck (Lux) Leopard Trek 0:02:36
5 Samuel Sanchez Gonzalez (Spa) Euskaltel-Euskadi 0:02:59
6 Alberto Contador Velasco (Spa) Saxo Bank Sungard 0:03:15
7 Damiano Cunego (Ita) Lampre – ISD 0:03:34
8 Ivan Basso (Ita) Liquigas-Cannondale 0:03:49
9 Thomas Danielson (USA) Team Garmin-Cervelo 0:06:04
10 Rigoberto Uran Uran (Col) Sky Procycling 0:07:36

81 Sergio Miguel Moreira Paulinho (Por) Team RadioShack 1:31:10
93 Rui Alberto Faria Da Costa (Por) Movistar Team 1:43:27

Leave a Reply